Blog

Como saber se “tenho tendência á calvície”?

Como saber se “tenho tendência á calvície”?

Você sabia que, de acordo com o que divulgam as pesquisas, 80% dos homens até os 70 anos de idade vão acabar apresentando algum grau de calvície? E que, em relação às mulheres, 25% vão apresentar queda de cabelo mais acentuada até os 30 anos de idade e, outros 50%, por volta dos 50 anos?  Porém, embora exista essa associação entre o avanço da idade e a perda progressiva dos fios, também é preciso levar em conta que há uma boa quantidade de jovens que manifesta Continue lendo

Você sabe qual é a cor de um couro cabeludo saudável?

Você sabe qual é a cor de um couro cabeludo saudável?

Xampus e condicionadores específicos para cada tipo de cabelo, máscaras para hidratação, reparador de pontas, cortes realizados periodicamente, tinturas e outros procedimentos químicos. Esses são apenas alguns dos principais cuidados para deixar as madeixas de homens e mulheres mais bonitas, moldadas ao gosto (e à praticidade) de cada um, certo? Mas será que eles também contribuem para um couro cabeludo saudável? E a propósito: você sabe qual é a cor de um couro cabeludo saudável?… Muitas vezes, muito mais preocupados com a aparência dos fios, acabamos Continue lendo

Xampu antiqueda realmente previne a queda excessiva dos fios?

Xampu antiqueda realmente previne a queda excessiva dos fios?

Se você é um adepto ou uma adepta dos chamados “xampus antiqueda”, a sua expectativa é de que, ao adquirir esse tipo de produto, a sua perda acentuada dos fios seja mesmo evitada, certo? Porém, o esclarecimento em torno dos chamados “antiqueda” começa pela própria nomenclatura dada a esse tipo de xampu: como uma fórmula daria conta de impedir o cabelo de cair? Na verdade, o que acontece é que não existe xampu que não faça o cabelo cair. Isto porque a queda dos fios também faz Continue lendo

Qual o melhor tratamento para combater a alopecia androgenética – a popular “calvície hereditária”?

Qual o melhor tratamento para combater a alopecia androgenética – a popular “calvície hereditária”?

De acordo com uma publicação da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) em janeiro deste ano, “a perda de cabelo atinge 42 milhões de brasileiros. E não afeta só os mais velhos. A calvície atinge um em cada quatro jovens entre 20 e 25 anos. E pode estar associada a fatores genéticos ou hormonais”. A boa notícia, conforme a própria reportagem acrescenta, é que a calvície, tem, sim, tratamento. Mas qual seria, então, o melhor tratamento para combater o problema? Eis o que milhões de pessoas, entre homens e mulheres, Continue lendo

Transtornos Alimentares e Queda de Cabelo: como doenças como anorexia e bulimia podem provocar a perda excessiva dos fios?

Transtornos Alimentares e Queda de Cabelo: como doenças como anorexia e bulimia podem provocar a perda excessiva dos fios?

Da mesma forma como a alimentação balanceada é essencial na manutenção da nossa saúde, a alimentação desregrada e a própria falta dela provocam justamente o efeito contrário. E, como você já deve supor, disso pode decorrer uma série de problemas que, entre outros impactos, também acabam afetando diretamente a saúde dos cabelos. Mas por que isso acontece? O fato é que a formação e a manutenção de um cabelo sadio dependem do equilibrado fornecimento de algumas substâncias essenciais para o seu desenvolvimento, tais como proteínas, vitaminas, ferro, Continue lendo

Calvície Feminina: do implante capilar ao Sistema CNC – confira o depoimento da Ana Maria Ventura

Calvície Feminina: do implante capilar ao Sistema CNC – confira o depoimento da Ana Maria Ventura

Tudo começou por volta dos meus 25 anos, quando comecei a notar os meus cabelos mais ralos. A queda não foi total, como quando a gente passa as mãos nos cabelos e eles saem aos montes, ou quando encontramos fios por toda a casa: foi pior, com os cabelos caindo aos poucos. Dessa forma, a gente só se dá conta quando já estamos com um buraco no couro cabeludo, e aí pode ser muito tarde para a recuperação total dos bulbos. Nessa época, já fazia dois Continue lendo

Ex-calvo: conheça a história de superação de Alessandro Corona, fundador da Tricosalus

Ex-calvo: conheça a história de superação de Alessandro Corona, fundador da Tricosalus

O meu problema de calvície começou aos 18 anos de idade. Sempre estive ligado ao esporte; era windsurfista e também esquiador. E, pra um esportista, a questão dos cabelos se assemelha à dos mitos gregos: de certa forma, os cabelos fazem parte da estética do corpo. Então, na ausência deles, todos percebem essa falha. Apesar do cuidado com o corpo, é como se o próprio rosto não contasse com uma moldura adequada a ele. Na realidade, comecei a perceber essa mudança não somente em decorrência Continue lendo

Hipotireoidismo causa queda excessiva de cabelo? E o hipertireoidismo?

Hipotireoidismo causa queda excessiva de cabelo? E o hipertireoidismo?

A tireoide é a glândula que determina o bom funcionamento do corpo. Localizada no pescoço, secretando hormônios como a tiroxina (T4), a triidoxina (T3) e a calcitonina, ela é a responsável pelo controle do metabolismo e pelo equilíbrio dos sistemas – o que inclui, por exemplo, o ganho ou a perda de peso, a regulação da temperatura corporal/da tensão arterial/da frequência cardíaca, a força muscular, o bom funcionamento do intestino, a memória, o estado de humor, etc. Ocorre que, quando os hormônios tireoidianos passam a ser produzidos de Continue lendo

Tricologista: quem é e por que consultar esse especialista?

Tricologista: quem é e por que consultar esse especialista?

Você sempre ouviu falar que a Dermatologia é a área da medicina que trata de todos os problemas relacionados à pele e aos cabelos, certo? Então, o que vem a ser essa tal de “Tricologia”? E o que esse profissional conhecido como médico tricologista faz, afinal? A Tricologia é uma subárea dentro da Dermatologia, ou seja, também corresponde a uma especialidade médica. Surgida no início do século XX, na Inglaterra, a Tricologia une ciência e estética para atender pessoas com problemas capilares. Qual a diferença entre Continue lendo

Mulher pode tomar finasterida?

Mulher pode tomar finasterida?

Embora a alopecia androgenética ocorra mais frequentemente nos homens, você sabia que ela também pode acometer as mulheres? Conhecido mais popularmente como “calvície hereditária”, esse tipo de calvície em mulheres é chamado de “calvície feminina” e, tal como no público masculino, a predisposição genética também é determinante para elas. A forma como essa calvície se manifesta, porém, é diferente em ambos, sendo que o tratamento também costuma ser específico para cada um. No caso dos homens, um dos medicamentos mais conhecidos no combate à alopecia androgenética é a finasterida – Continue lendo